domingo, 28 de setembro de 2008

Quando as coisas correm mal... no ISP

Aqui há uns tempos, lá em casa, rescindimos formalmente o contrato com o nosso ISP. Sem surpresas, eles não gostaram. O pior foi que nos começaram a mandar umas mensagens de email a pedir desculpa, que não tinham tido tempo de efectuar a rescisão... e entretanto continuavam a mandar as facturas mensais. Só fizeram isto um mês, porque no mês seguinte já não tinham autorização de débito na conta e não puderam cobrar.

Ora nesta altura podiam ter ido ver o se passava com o contrato, aperceberem-se do erro e ter-nos devolvido o mês que nos cobraram indevidamente. Mas não. Mandaram-nos uma carta, duas cartas a ameaçar que nos cortavam o serviço! :-) Quão ridículo é que isto fica?

Escusado será dizer que deixámos que nos "cortassem" o serviço, que já não usávamos havia dois meses. Claro que estamos "marcados", na BD do ISP, como maus pagadores. E um dia destes ainda vamos ter aborrecimentos por causa disto.

Seja como for, não havia necessidade de terem deixado a caixa de distribuição neste estado. ;-)

Na foto: a caixa de distribuição do nosso andar, após a intervenção do ISP