quarta-feira, 26 de setembro de 2007

Chacota na TV

É possível que se lembrem do "Tsunami de Informáticos" dos Gato Fedorento, onde as pessoas que estavam na praia eram assediadas por informáticos aborrecidos, com os tiques habituais que se podem encontrar em muitos de nós. O sucesso deste sketch foi tal que já se podem encontrar no Youtube versões legendadas em inglês.

No Reino Unido, o Channel 4 criou uma série de televisão só sobre os informáticos e as suas idiossincrasias. Trata-se de "The IT Crowd" que já vai na segunda época. Podem ver um excerto de um dos episódios aqui mesmo, vindo do Youtube.






Estas caricaturas exploram o lado nerd dos profissionais de TI, em particular a sua tendência para a alienação. As dificuldades de comunicação que tantos deles experimentam são apenas um aspecto da já abordada carência de soft skills. Já aqui há tempos se escreveu aqui sobre como estas são consideradas importantes e podem influenciar a carreira de qualquer um. Hoje em dia, para se ser bem sucedido não basta dominar-se técnicas e tecnologias.

Ainda há poucos dias o Times apresentava um artigo com um título interessante: If you want to get a job, get a life.

Os tipos do Inquirer, escreveram também sobre o assunto no artigo IT people need to get a wife.

É com satisfação que se observa que as principais universidades estão a preocupar-se cada vez mais sobre este assunto. Mas isto não chega. Por um lado, as universidades não podem fazer tudo. Se um jovem chega aos dezoito anos sem, por exemplo, dominar a sua língua materna quer em escrita quer em interpretação, a universidade já nada poderá fazer (o mesmo se poderá dizer de muitas outras soft skills, cuja aprendizagem começa frequentemente em casa, com a família). Por outro lado, há que recuperar os profissionais que já estão no activo e que têm estas lacunas. São os seus comportamentos que têm vindo a causar a degradação da imagem do profissional de TI, e é aí que é preciso actuar, antes de mais.

No meio disto tudo, temos que agradecer aos comediantes. A verdade é que há muita gente na nossa actividade que irrita profundamente os utilizadores e não compreende porquê. Se se derem ao trabalho de analisar as caricaturas, pode ser que comecem a entender.

Já agora: quem souber de mais sítios onde gozam com os informáticos, diga! Não nos podemos levar demasiado a sério! :-)